Ad Home

Sob os olhares de Samarone, Briosa vence Red Bull e assume a ponta do Paulistão A2

Samarone, autor do gol que deu o título do Campeonato Paulista da Divisão de Acesso de 1964 à Briosa, acompanha a partida entre a rubro-verde diante do Red Bull, válida pelo Paulistão A2 de 2020, disputada no dia 11 de março, no estádio Ulrico Mursa

Wilson Gomes, o Samarone, foi um dos maiores meias da Portuguesa Santista. Revelação da Briosa, ele foi autor do gol do título do Campeonato Paulista da Divisão de Acesso de 1964, em jogo disputado diante da Ponte Preta, em Campinas, vencido pela Briosa por 1 a 0. Posteriormente, o Diabo Loiro, como era conhecido antes de pendurar as chuteiras, também virou ídolo do Fluminense, onde conquistou o Campeonato Brasileiro (Taça de Prata) de 1970.

Samarone esteve presente em Ulrico Mursa junto aos demais 1500 torcedores para apoiar o time de Sérgio Guedes, que venceu o Red Bull por 3 a 1, com gols marcados por Kallil (duas vezes) e Wendell. Chrigor foi quem anotou para o Toro Loko. O resultado da partida deu à Briosa a liderança isolada do Paulistão A2, com 20 pontos.

O Futebol Santista acompanhou Samarone por alguns minutos e flagrou o Diabo Loiro comemorando o gol rubro-verde.

Veja as fotos de Portuguesa Santista 3 x 1 Red Bull

Portuguesa Santista 3 x 1 Red Bull (Paulistão A2)
Tecnologia do Blogger.